Voltar a pagina inicialPérolas do dia

 

E esta é a promessa que Ele mesmo nos fez: a vida eterna. (1Jo 2,25)   Nisto conheceis o espírito que é de Deus: todo espírito, que confessa que Jesus veio na carne, é de Deus. (1Jo 4,2)   Foi assim que se manifestou o amor de Deus para conosco: Deus enviou ao mundo seu filho unigênito, para que tenhamos a vida por meio dele. (1Jo 4,9)  Se nos amarmos uns aos outros, Deus permanece conosco e seu amor é perfeito em nós. (1Jo 4,12b)  Então Jesus começou a falar-lhes: “hoje se cumpriu essa passagem da Escritura que acabais de ouvir”. (Lc 4,21)  Quem é o vencedor do mundo, senão quem crê que Jesus é o Filho de Deus? (1Jo 5,5)  Esta é a confiança que temos nele: se lhe pedimos alguma coisa de acordo com sua vontade, Ele nos ouve. (1Jo 5,14)  Completou-se o tempo, e o Reino de Deus está próximo. Convertei-vos e crede no Evangelho. (Mc 1,15)  Ficavam admirados de sua doutrina, pois ele os ensinava como quem possui autoridade e não como os escribas. (Mc 1,22)  Ele curou muitos doentes de enfermidades diversas e expulsou muitos demônios. (Mc 1,34a)  Jesus se compadeceu dele, estendeu a mão, tocou-o e disse: “Eu quero, fica limpo”. (Mc 1,41)  O que é mais fácil dizer ao paralítico: ‘teus pecados estão perdoados’ ou dizer: ‘levanta-te, toma a tua maca e anda’? (Mc 2,9)  Não são os que têm saúde que precisam de médico, e sim os enfermos. Não vim chamar os justos, mas os pecadores. (Mc 2,17)  Jesus lhe responde: ‘Por acaso podem jejuar os amigos do noivo enquanto o noivo estiver com eles’? (Mc 2,19a)

 E lhe disse ainda: ‘O sábado foi feito para as pessoas e não as pessoas para o sábado’ (Mc 2,27) Jesus passou sobre eles um olhar indignado e triste com a cegueira dos seus corações. (Mc 3,5a) Ouvindo dizer o que Jesus fazia, vinha até Ele uma enorme multidão também de Jerusalém, da Idumeia, da Transjordânia e dos arredores de Tiro e Sidônia. (Mc 3,8) Escolheu doze entre eles para ficarem em sua companhia e para enviá-los a pregar, com o poder de expulsar demônios. (Mc 3,14-15) Em seguida, Jesus voltou para casa. Ajuntou-se de novo tanta gente que não podiam nem comer. (Mc 3,20) Eu respondi: ‘Quem és, Senhor?’ E Ele me disse: ‘Sou Jesus, o Nazareno, a quem tu persegues’. (At 22,8) Deus não nos deu um espírito de timidez, mas de fortaleza, amor e sobriedade. (2Tm 1,7) Outra parte, finalmente, caiu em terra boa e, depois de crescer e se desenvolver, deu fruto. (Mc 4,8a) Pois não há nada oculto que não seja descoberto, e nada há escondido que não venha à plena luz. (Mc 4,22) Com muitas parábolas como esta, Jesus anunciava-lhes a Palavra segundo podiam entender. (Mc 4,33) Tomados de grande medo, diziam aos outros: ‘Quem é este que até o vento e o mar obedecem?’ (Mc 4,41) Chegando até Jesus, viram o endemoninhado sentado, vestido e em pleno juízo, ele que antes estava possuído pela legião. (Mc 5,15) Terminados os dias da purificação deles segundo a Lei de Moisés, levaram o menino para Jerusalém a fim de apresentá-lo ao Senhor. (Lc 2,22) Não é ele o carpinteiro, o filho de Maria, irmão de Tiago, de José, de Judas e Simão? (Mc 6,3a)

 Recomendou-lhes que não levassem para a viagem nada mais do que um bastão; nem pão, nem sacola, nem dinheiro no cinto. (Mc 6,8) Quando (Herodes) ouvia João, sentia-se embaraçado, mesmo assim gostava de ouvi-lo. (Mc 6,20b) Os apóstolos voltaram para junto de Jesus e lhe contaram tudo o que tinham feito e ensinado. (Mc 6,30) E onde Ele chegava, nos povoados, nas cidades ou nos sítios, punham os doentes nas ruas e lhe pediam que os deixasse tocar ao menos na ponta de seu manto. (Mc 6,56a) Anulais assim a Palavra de Deus com a vossa própria tradição: e coisas como estas fazeis muitas. (Mc 7,13) Nada que vem de fora de uma pessoa pode torná-la impura. O que sai de dentro de uma pessoa é que a torna impura. (Mc 7,15) Mas ela respondeu: “É verdade, Senhor, mas também os cachorrinhos, debaixo da mesa, comem das migalhas dos filhos”. (Mc 7,28) Levantou os olhos para o céu, suspirou e disse: Effatá, que quer dizer: Abre-te. (Mc 7,34) Comeram e ficaram saciados. E dos pedaços que sobraram recolheram sete cestos. (Mc 8,8) Se alguém de vós sente falta de sabedoria, peça-a a Deus – a ele, que dá a todos generosamente e sem reclamar – e lhe será dada. (Tg 1,5) Feliz aquele que suporta a tentação, porque, uma vez provado, receberá a coroa da vida que Deus prometeu a quem o ama. (Tg 1,12) Evitai praticar as vossas boas obras diante dos outros para serdes vistos por eles. (Mt 6,1a) E disse a todos: “Se alguém quiser vir após mim, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz cada dia e me siga”. (Lc 9,23) Não, o jejum que eu prefiro é este: Soltar as algemas injustas, soltar as amarras do jugo, dar liberdade aos oprimidos e acabar com qualquer escravidão! (Is 58,6)

 Jesus respondeu-lhes: “Não são os que têm saúde que precisam de médico, e sim os enfermos”. (Lc 5,31) Apascentai o rebanho que vos é confiado: Cuidai dele, não obrigados, mas de boa vontade segundo Deus. (1Pd 5,2a-b) Assim acontece com a palavra que sai de minha boca: não volta para mim vazia, sem ter realizado a minha vontade, sem ter cumprido a sua missão. (Is 55,11) Esta gente é má. Pede um sinal, mas não lhe será dado outro sinal senão o de Jonas. (Lc 11,29) Pedi e vos será dado; buscai e achareis; batei e vos abrirão. (Mt 7,7) Acaso tenho prazer na morte do ímpio? – oráculo do Senhor Deus. Não desejo antes que mude a conduta e viva? (Ez 18,23) Hoje fizeste o Senhor prometer-te que seria teu Deus, e tu seguirias os seus caminhos, observando suas leis, seus mandamentos e seus preceitos, e ouvindo sua voz. (Dt 26,17) Dai e vos será dado: uma medida boa, socada, sacudida, transbordante vos será colocada nos braços. (Lc 6,38a) Aprendei a fazer o bem! Procurai a justiça, corrigi o opressor. Fazei justiça ao órfão, defendei a viúva. (Is 1,17) Foi assim que o Filho do Homem veio: não para ser servido mas para servir e dar sua vida em resgate de muitos. (Mt 20,28) Bendito o homem que confia no Senhor, cuja confiança é o Senhor. (Jr 17,7) O Reino de Deus será tirado de vós e será dado a um povo que produza os devidos frutos. (Mt 21,43) O filho, então, lhe disse: “Pai, pequei contra Deus e contra ti. Já não sou digno de ser chamado teu filho”. (Lc 15,21) E continuou: “Eu vos asseguro: nenhum profeta é bem recebido em sua própria terra”. (Lc 4,24)

 Então se aproximou Pedro e lhe perguntou: “Senhor, quantas vezes devo perdoar ao irmão que pecar contra mim? Até sete vezes?” (Mt 18,21) E eu vos garanto: enquanto não passar o céu e a terra, não passará um i ou um pontinho da Lei, sem que tudo se cumpra. (Mt 5,18) Escutai minha voz, e eu serei o vosso Deus e vós serei o meu povo. Andai no caminho que eu vos traço para que sejais felizes. (Jr 7,23) Jesus, vendo que ele tinha falado com sabedoria, disse-lhe: “Não estás longe do Reino de Deus”. (Mc 12,34a) Porque todo aquele que se eleva será humilhado, e quem se humilha será elevado. (Lc 18,14b) Sim, vou criar novo céu e nova terra; já não haverá lembrança do que passou, nisto já não se pensará. (Is 65,17) Jesus lhe disse: “Levanta-te, toma o teu leito e anda”. No mesmo instante aquele homem ficou curado, tomou o leito e andou. (Jo 5,8-9a) Pode uma mulher esquecer seu bebê, deixar de querer bem ao filho de suas entranhas? Mesmo que alguma esquecesse, eu não te esqueceria! (Is 49,15) Como podeis crer, vós que aceitais elogios uns dos outros e não buscais a glória que provém do único Deus? (Jo 5,44) Ele (Abraão) é nosso pai diante daquele em quem acreditou, o Deus que dá vida aos mortos e chama as coisas não existente como se fossem existentes. (Rm 4,17b) Ouvindo estas palavras, alguns da multidão começaram a dizer: “Este é realmente o profeta”. Outros diziam: “Ele é o Cristo”. (Jo 7,40-41a) E quando julgo, o meu julgamento é conforme a verdade porque não estou sozinho, mas o Pai que me enviou está comigo. (Jo 8,16) É por isso que eu vos disse: morrereis no vosso pecado. Pois se não crerdes que eu sou, morrereis no vosso pecado. (Jo 8,24) Jesus respondeu: “Na verdade vos digo: todo aquele que comete pecado é escravo do pecado”. (Jo 8,34)

 Fazei um plano, e ele será destruído, dizei uma palavra, e ela não permanecerá, porque ‘Deus está conosco’ (Is 8,10) Mas o Senhor está comigo como um violento guerreiro, por isso meus perseguidores tropeçarão sem prevalecer. (Jr 20,11) Não compreendeis que é melhor para nós que morra um só homem pelo povo para que não pereça a nação toda? (Jo 11,50) Eis meu servo a quem apoio, meu eleito, ao qual quero bem! Pus nele meu espírito; ele levará o direito às nações. (Is 42,1) Eu te destinei para seres a luz das nações, para que a minha salvação atue até os confins da terra. (Is 49,6) O Senhor Deus me deu língua de discípulo, para que eu saiba confortar o abatido com uma palavra de alento. (Is 50,4) Assim, também vós, considerai-vos mortos para o pecado, porém vivos para Deus em Cristo Jesus. (Rm 6,11) Disse-lhes então Jesus: “Não tenhais medo! Ide dizer a meus irmãos que se dirijam à Galileia e lá me verão”. (Mt 28,10) Maria Madalena foi anunciar aos discípulos que tinha visto o Senhor. E contou o que Jesus tinha dito. (Jo 20,18) Disseram então um para o outro: “Não nos ardia o coração quando pelo caminho nos falava e explicava as Escrituras?” (Lc 24,32) Enquanto falavam, Jesus apresentou-se no meio deles e disse: “A paz esteja convosco”. (Lc 24,36) Jesus lhe disse: “Vinde comer”. Nenhum dos discípulos se atreveu a perguntar-lhe: “Quem és tu?”, sabendo que era o Senhor. (Jo 21,12) Repreendeu-lhes a incredulidade e dureza de coração, por não terem acreditado nos que o tinham visto ressuscitado dos mortos. (Mc 16,14) Jesus respondeu: “Na verdade eu te digo: quem não nascer do alto, não pode ver o Reino de Deus”. (Jo 3,3)

 Se não acreditais quando vos falo de coisas terrenas, como haveis de acreditar se vos falar de coisas celestes? (Jo 3,12) Porque Deus não enviou o seu Filho ao mundo para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por ele. (Jo 3,17) Aquele que Deus enviou fala as palavras de Deus, pois Deus lhe deu o Espírito sem medida. (Jo 3,34) Vendo o sinal que Jesus tinha realizado, aquela gente dizia: “Na verdade, este é o profeta que há de vir ao mundo”. (Jo 6,14) A palavra de Deus continuava a se espalhar e aumentava de maneira extraordinária o número dos discípulos em Jerusalém. (At 6,7) Cheio de graça e fortaleza, Estevão fazia prodígios e grandes sinais entre o povo. (At 6,8) Jesus respondeu: “Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim já não terá fome, e quem crê em mim jamais terá sede”. (Jo 6,35) A vontade do pai é que todo aquele que vê o Filho e acredita nele tenha a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia. (Jo 6,40) Este é o pão que desce do céu para que não morra quem dele comer. (Jo 6,50) E logo (Saulo) se pôs a pregar nas sinagogas que Jesus é o Filho de Deus. (At 9,20) Vendo isso, todos os habitantes de Lida e da Planície de Sarona se converteram ao Senhor. (At 9,35) Ao ouvir isso, eles se calaram e glorificaram a Deus dizendo: “Logo, também aos pagãos Deus concedeu a conversão para a vida”. (At 11,18) A mão do Senhor estava com eles, e grande foi o número dos que receberam a fé e se converteram ao Senhor. (At 11,21) A palavra do Senhor crescia e se espalhava cada vez mais. (At 12,24)

 Na verdade eu vos digo: quem recebe aquele que eu enviar, é a mim que recebe. E quem me recebe, recebe aquele que me enviou. (Jo 13,20) Não se perturbe o vosso coração. Credes em Deus, crede também em mim. (Jo 14,1) Na verdade eu vos digo: quem crê em mim fará também as obras que eu faço. (Jo 14,12) Por ele (o evangelho) sereis salvo, se o conservardes como eu vo-lo anunciei. (1Cor 15,2) Chegando lá, reuniram a igreja e contaram tudo o que Deus tinha feito por meio deles e como havia aberto a porta da fé para os pagãos. (At 14,27) Quem permanece em mim, e eu nele, dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer. (Jo 15,5) Aliás, nós cremos que, pela graça do Senhor Jesus Cristo, seremos salvos do mesmo modo que eles. (At 15,11) Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros como eu vos amei. (Jo 15,12) Mas tudo isso vos farão por causa de meu nome, porque não conhecem quem me enviou (Jo 15,21) Quando vier o Paráclito, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que procede do Pai, ele dará testemunho de mim. (Jo 15,26) Depois os fez subir à sua casa, pôs-lhes a mesa e se alegrou com toda família por ter crido em Deus. (At 16,34) É nele que vivemos, nos movemos e existimos, como alguns de vossos poetas disseram: “Porque somos também da sua raça”. (At 17,28) Ficareis tristes, mas vossa tristeza se transformará em alegria. (Jo 16,20) Fizeram um sorteio entre os dois, e a sorte caiu em Matias, que se juntou aos onze apóstolos. (At 1,26)

 (Apolo) fora instruído no caminho do Senhor, falava com fervor de espírito e ensinava com precisão sobre Jesus, embora conhecesse apenas o batismo de João. (At 18,25) Disse-vos estas coisas para que tenhais paz em mim. No mundo tereis aflições. Mas tende coragem! Eu venci o mundo! (Jo 16,33) Ora, a vida eterna consiste em que conheçam a ti, único Deus verdadeiro e a Jesus Cristo que enviaste. (Jo 17,3) Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo. (Jo 17,18) Que todos sejam um como tu, Pai, estás em mim e eu em ti, para que eles estejam em nós, e o mundo creia que tu me enviaste. (Jo 17,21) Quando envelheceres, estenderás as mãos e será outro que as amarrará e te levará para onde não queres. (Jo 21,18) Jesus respondeu: “O que te importa se eu quero que ele fique até que eu venha? Segue-me tu.” (Jo 21,22) Sem o terdes visto, vós o amais. Sem o verdes agora, acreditais nele. (1Pd 1,8) Sede sóbrios e colocais toda a esperança na graça que vos será dada na revelação de Jesus Cristo. (1Pd 1,13) Pela obediência à verdade vos purificastes para praticardes um amor fraterno sincero. (1Pd 1,22) E Jesus lhe disse: “Vai, tua fé te curou!” No mesmo instante ele começou a ver de novo e se pôs a segui-lo pelo caminho. (Mc 10,52) Por isso eu vos digo: Tudo o que pedirdes na oração, crede que o recebereis e vos será dado. (Mc 11,24) E aos que estão com dúvidas, tratai com misericórdia. (Jd 22) Sede alegres na esperança, pacientes no sofrimento e perseverantes na oração. (Rm 12,12)

 Submetei-vos, pois, a Deus, mas resisti ao demônio, e ele fugirá para longe de vós. (Tg 4,7)Olhai para mim, e sereis salvos, vós, todos os termos da terra (Is 45,22)Amados, se o nosso coração não nos condena, temos confiança para com Deus (1 Jo 3,21)Lembrai-vos da mulher de Ló (Lc 17,31)Guardem-me a sinceridade e a retidão porquanto espero em ti Senhor (Sl 25,21)Lançai sobre Ele toda a vossa ansiedade porque Ele tem cuidado de vós (1 Pd 5,7)Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé sem as obras da lei (Rom 3,28)Eis que Deus exalta com a sua força quem ensina como Ele? (Jó 36,22)E atentou Deus para aos filhos de Israel, e conheceu Deus (Ex 2,25)Abomino e detesto a mentira, porém amo a tua lei (Sl 119,163)Todos os que nele crêem receberão o perdão dos pecados pelo seu nome (At 10,43)Eis que Deus não rejeitará ao reto, nem toma pela mão aos malfeitores (Jo 8,20)Se pois o filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres (Jo 8,36)Porque todos sois filhos de Deus pela fé em Cristo Jesus (Gal 3,26)

O Senhor aceitará a minha oração (Sl 6,9)Então me invocareis, e ireis, e orareis a mim, e eu vos ouvirei (Jr 29,12)Até que o riso te encha a boca, e os teus lábios de louvor (Jó 8,21)E esta é a promessa que Ele nos fez: a vida eterna (1 Jo 2,25)Mas fiquem firmes naquilo que já têm, até que eu venha (Ap 2,25)O Pai ama o Filho e todas as coisas entregou nas suas mãos (Jo 3,35)Seja a vossa equidade notória a todos os homens: perto está o Senhor (Fil 4,5)Pelo que por lábios estranhos e por outras línguas, falará a este povo (Is 28,11)Eu te conheci no deserto, em terra muito seca (Os 13,5)Oferecei sacrifícios de justiça e confiai no Senhor (Sl 4,5)Mas ao necessitado livra da espada da sua boca, e da mão do forte (Jó 5,15)A minha alma espera somente em Deus: dele vem a minha salvação (Sl 62,1)E Deus subiu dele, do lugar onde falará com ele (Gn 35,13)Mas os ímpios não têm paz, disse o Senhor (Is 48,22)

Porque do pó não procede a aflição, nem da terra brota o trabalho (Jó 5,6)Bem-aventurados os mansos, porque herdarão a terra (Mt 5,5)Temei a Deus, e dai-lhe glórias: porque é vinda a hora do juízo (Ap 14,7)Bem-aventurados os limpos de coração, porque verão a Deus (Mt 5,8)Clama a mim e responder-te-ei (Gr 33,3)Pelo que vos rogo que confirmeis para com ele o vosso amor (2 Cor 2,8)Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus? (Jo 11,40)O Senhor é a minha luz e a minha salvação: a quem temerei? (Sl 27,1)E disse-lhes: porque sois tão tímido? Ainda não tendes fé? (Mc 4,40)A voz do Senhor separa as labaredas do fogo (Sl 29,7)Eu os remirei da violência do inferno, e os resgatarei da morte (Os 13,14)E nos levantou uma salvação poderosa na casa de Davi seu servo (Lc 1,69)Quem guiou o espírito do Senhor? E que conselheiro o ensinou? (Is 40,13)Ele dá a chuva sobre a terra e envia águas sobre os campos (Jó 5,10)

Está alguém entre vós aflito? Ore. Está alguém contente? Cante louvores (Tg 5,13)Porque o filho do Homem veio salvar o que se tinha perdido (Mt 18,11)Honra a teu pai e a tua mãe para que se prolonguem os teus dias sobre a terra que o Senhor teu Deus te dá (Ex 20,12)Eis que a mão do Senhor não está encolhida, para que não possa salvar (Is 59,1)Senhor meu Deus, chamei a ti, e tu me saraste (Sl 30,2)Em tudo isto Jó não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma (Jó 1,22)O Senhor teu Deus é Deus misericordioso e não te desamparará (Dt 4,31)Tu conservarás em paz aquele cuja mente está firme em ti (Is 26,3)Bem-aventurado aquele que não se condena a si mesmo naquilo que aprova (Rom 14,22)Eis que a vossa casa vai ficar deserta (Mt 23,28)A ti, Senhor, clamei, e ao Senhor supliquei (Sl 30,8)Aqueles a quem o Senhor abençoa possuirão a terra (Sl 37,22)Aquietai-vos e sabei que Eu sou Deus: serei exaltado sobre a terra (Sl 34,7)Bendito o varão que confia no Senhor, e cuja esperança é o Senhor (Jr 17,7)

Ele, porém, conhece o meu comportamento. Pode colocar-me à prova, e eu sairei puro como ouro (Jó 23,10)Ele tem cuidado de vós (1 Pd 5,7)A piedade para tudo é proveitosa, sendo a promessa da vida presente e de que há de vir (1 Tim 4,8)O caminho do justo é todo plano; tu retamente pesas a andar o justo (Is 26,7)O mesmo Espírito testifica com o nosso Espírito que somos filhos de Deus (Rom 8,16)Cavou um poço e o fez fundo, e caiu na cova que fez (Sl 7,15)No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder (Ef 6,10)E ele disse-lhes: por que temeis, homens de pouca fé (Mt 8,26)Portanto pelos seus frutos os conhecereis (Mt 7,20)Ali os maus cessam de perturbar: e ali repousam os cansados (Jó 3,18)No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder (Ef 6,10)O Senhor está comigo, não temerei o que me pode fazer o homem (Sl 118,6)Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia (Mt 5,7)Vigiai e orai para que não entreis em tentação (Mc 14,38)